TRÊS PASSOS PARA AUMENTAR O ENGAJAMENTO DOS VENDEDORES

pilulas-do-varejoA associada Ser dá uma dica preciosa essa semana: engajar equipes é essencial nos negócios, principalmente no varejo. Este setor é um dos que mais movimenta a economia e precisa dos vendedores para que os produtos sejam vendidos. Eles são a primeira apresentação da marca e merecem uma atenção especial dos gestores, sobretudo quando se trata de motivação e engajamento.

Três passos para aumentar o engajamento dos vendedores

Vendedores engajados convertem mais vendas para o negócio. O estudo “Global Human Capital Trends 2016: The new organization, Different by design” indicou que 86% dos empresários brasileiros acreditam que o engajamento é importante ou muito importante para o funcionamento da empresa.

Mas como fazer com que a equipe esteja sempre engajada? Basta um bom salário? Na verdade, não. Muitos colaboradores querem fazer parte de uma empresa que, além de oferecer um bom salário, também tem plano de carreira, bons benefícios, ambiente amigável, é flexível e inviste em treinamento,  entre outros. E para te guiar e mostrar como fazer algumas mudanças para engajar mais seus colaboradores, separamos dicas que aumentarão a motivação de toda a equipe!

1.Use dados e métricas

Poucos líderes ainda fazem dos dados seus aliados ou aliados dos seus vendedores. Ser transparente e apresentar os resultados de cada vendedor, em tempo real, pode ser o caminho para a motivação. A equipe quando fica “cega” e sem saber como está o seu desempenho, não busca se esforçar, isso normalmente acontece apenas quando o líder mostra os números.

Além disso, o gestor pode usar os dados para montar novas estratégias, novas equipes e otimizar todo o processo de vendas. Os dados não mentem, não se trata de achismo e sim de resultados reais, que se bem utilizados serão a chave para o sucesso. Veja aqui alguns dos dados usados para avaliar o desempenho dos vendedores.

2.Capacite seus vendedores e crie oportunidades reais

Investir em capacitação não é benéfico apenas para o varejista. Para muitos colaboradores, ver que a empresa está investindo neles é um sinal de confiança, de que está desenvolvendo um bom trabalho e quer que chegue mais longe ainda. É como se a empresa estivesse falando “eu aposto em você, eu acredito em você”.

Grandes empresas já sabem que investir o treinamento atrai talentos e diminui o turnover. Agora o setor varejista está começando a entender essa lógica da gestão de pessoas que antes só era aplicada em outros setores.

O Ranking no Varejo 2017 apontou que, entre 2014 e 2016, o percentual de rotatividade caiu de 48,6% para 31,2%, entre as companhias avaliadas e no mesmo sentido, o investimento em treinamento subiu de 0,7% para 3,8% no mesmo período. Conheça algumas formas de capacitação ideais para o varejo, entre elas o mobile learning que está crescendo entre os lojistas.

 3.Saiba estabelecer metas, valorizar o serviço e bonificar pelas tarefas bem-feitas
Um gestor que estabelece metas irreais desmotiva toda a equipe. Imagine você trabalhar sabendo que aquela meta nunca será alcançada? Não haverá engajamento nenhum da sua parte. Por isso, o bom líder sabe delegar as tarefas, conhece sua equipe e mantém uma boa comunicação para saber do que eles são ou não capazes. Se quiser aprender como fazer um bom plano de metas para seu varejo, clique aqui.

A tarefa do líder de engajar nunca é fácil, mas essas dicas podem ser o caminho para montar uma nova estratégia ou repensar o que você está fazendo pela sua equipe. O engajamento é sim primordial. Vendedores motivados aumentam as vendas, espalham a marca e ajudam o negócio a se consolidar. A plataforma Ser Casting é uma aliada na gestão, além de ser capaz de ajudar nas tarefas de treinamento e métricas, conheça mais em www.sercasting.com.

 

 

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *